quarta-feira, 16 de maio de 2012

Estado do Cariri: sonho ou ilusão?

Região do Cariri cearense.
Região do Cariri cearense.


Movimentos separatistas acontecem no mundo todo. Podem ter inúmeras causas: religião, crises econômicas, choque cultural entre regiões de um mesmo país, etc. Quem não se lembra dos movimentos separatistas do sul do Brasil quando vivíamos a hiperinflação?


Por aqui de vez em quando se acende a ideia de criação do estado do Cariri, isto pela nossa identidade cultural própria, vida econômica quase independente de Fortaleza e pelo sentimento que o governo do Ceará nunca faz investimentos condizentes com a importância de nossa região.

Mas como sempre se anunciou o projeto de criação do estado do Cariri na base da emoção e sem um projeto definido de viabilidade e participação popular, logo o assunto era esquecido. Desta vez são políticos pernambucanos, especificamente de Ouricuri e Araripina, que acenderam novamente esta ideia. Eles estiveram tanto em Juazeiro do Norte como em Crato nas suas respectivas Câmaras de Vereadores para propagar este desejo e conseguir apoio. Querem unir as cidades do Cariri a algumas cidades do sertão pernambucano e criar o estado do Cariri, Araripe ou Pe. Cícero.

Como opinião pessoal, o assunto vai morrer na praia de novo. É muito estranho em tempos pré-eleitorais anunciarem um projeto que certamente desperta muito interesse na população. Só que ninguém confia na Câmara de Vereadores de Juazeiro do Norte. E muito menos os vereadores possuem força política para tal empreitada. Também o processo é muito difícil, ainda mais agora que ao se realizar um plebiscito, todo o estado original vota, e não somente a região interessada. Foi assim com o Pará, o qual não foi dividido para criar o Carajás e Tapajós, mesmo a população destas regiões ansiosas pela separação.

Estão transformando um assunto sério e desejo de muitos em uma brincadeira de mal gosto. Um sonho transformado em descrença.


13 comentários:

  1. Acredito que seja apenas especulação eleitoral também. Não é separando o estado que iremos resolver os problemas existentes. Se todos fossem críticos e rigorosos na escolha dos candidatos não iríamos levantar essa hipótese.

    ResponderExcluir
  2. Identidade cultural própria? O que torna o Cariri tão diferente assim do restante do Ceará?

    A região tem vida econômica quase independente de Fortaleza?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniel, sou do tempo que Recife exercia bem mais influência que Fortaleza. Quem queria fazer faculdade sempre sia desta região para a capital pernambucana. Até o sotaque do Cariri era mais parecido com o pernambucano, sem o "vice", é claro. Depois Fortaleza se desenvolveu, o Cariri também, e o fluxo de estudantes ficou equiparado, alguns vinham e outros iam.

      Com este intercãmbio, palavras como "macho" e o jeito de pronunciar o "t" começaram a ser mais comuns por aqui. Tantas vezes eu vou para Fortaleza e me perguntam se eu sou de outro estado.

      Acho que precisamos nos deslocar para a capital apenas para resolver questões burocráticas nas sedes das instituições. O Cariri já possui quase tudo: Hospitais, shoppings, e por aí vai.

      Alguns próprios fortalezenses, quando chegam ao Cariri pela primeira vez, afirmam que aqui já parece outro estado.

      Foi com minha experiência, voltada mais para Recife, que escrevi o texto. Posso estar equivocado, mas o estado do Cariri é sonho de muitos. Agora dá medo entregar uma responsabilidade maior para estes políticos sangue-sugas.

      Mas não se preocupe, nunca estaremos separados do Ceará.

      Excluir
  3. Estado do Cariri com capital em Juazeiro do Norte, sem dúvida alguma!
    Jamais um estado do Cariri com capital em Crato, como eles querem!
    Só em pensar numa possibilidade como esta, fico com nojo!

    Jonas Fernandes
    Juazeiro do Norte/Ce

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok, mas levar para a rivalidade não leva a lugar algum, pois nem este estado sai do papel. Mas obrigado por participar com sua opinião!

      Excluir
  4. Em relação ao sotaque, acredito que o da região pareça mais com o de Natal e João Pessoa do que com o de Recife, a não ser que o pessoal do Cariri tenha o costume de chiar no "s" ao final das palavras e antes de consoantes (exceto "t" e "d") . A entonação também é distinta da de Recife.
    A diferença para Fortaleza acho que é basicamente a pronúncia do "t" e do "d". Sotaque de capital é geralmente diferente do que se tem no interior. Isso não é motivo para querer se tornar independente. Na minha opinião, acho um exagero afirmar que o sul do CE parece outro estado.

    Quanto à influência de Recife no Cariri, esta diminuiu drasticamente, pois Fortaleza consolidou-se como metrópole nacional e passou a influenciar todo o Ceará e até estados vizinhos.

    Obs.: de fato, o Cariri nunca estará separado do Ceará. No máximo seriam vizinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente nosso sotaque é uma mistura, igual à nossa culinária e cultura. É uma região única.

      Em relação que aqui parece outro estado, apenas reproduzi a fala de vários palestrantes fortalezenses quando chegavam ao Cariri pela primeira vez, nos vários encontros que já participei pela saúde pública.

      Particularmente, não tenho preferência por nenhuma capital, tanto faz ser Recife ou Fortaleza. Fugi de Recife logo na primeira hora depois de me formar. Trânsito caótico e violência nas alturas. Mas possuo grandes amigos por lá.

      Por fim, o estado do Cariri é um assunto muito polêmico mesmo!

      Excluir
    2. Dr. Paulo você arrasou viu... virei seu fã

      Excluir
  5. A situação ganha corpo a medida que outras areas de outros estados, como o sertão do araripe em Pernambuco comungam da mesma opinião perante governo do litoral. Achamos que isto é um marco nesta luta. Acho o nome Araripe mais conciliador e acho que a capital deve ser uma cidade planejada dentro da RMC. Pois nenhuma cidade tem condições de se tornar capital. Nem Crato, nem juazeiro,mas podem ser peças fundamentais numa região metropolitana rica e prospera. A capital deveria ser numa distancia menor que 10 quilometros de Crato e JN

    Juanews

    ResponderExcluir
  6. Sugestão:

    -Estado do Araripe
    -Capital: Cariri (Para fazer jus ao nome da região metropolitana)
    -Padroeiro: Padre Cícero
    -Herói: Lampião (de Serra Talhada)
    -Habitante típico: vaqueiro (missa do vaqueiro em Serrita)
    -Cantor: Luiz Gonzaga

    Lembrando que Luiz GOnzaga e Padre Cícero foram votados como pernambucano e cearense do século em seus respectivos estados

    ResponderExcluir
  7. Isso é que é criatividade, caro Juanews!

    ResponderExcluir
  8. Na Minha Humilde Opnião,é melhor Formar O Estado Do Cariri,
    Seria Bem <elhor!!!!!

    ResponderExcluir
  9. estado do padre Cíecero ? me poupe... Preferia Araripe. Emfim preferia o Ceará do jeito que tá como em estados desenvolvidos existem cidades no interior com grade porte. Deixa o ceará inteiro do jeito que tá. Quero é que juazeiro cresça muito e que seja referência no estado e não uma capital falida qualquer ai de um estado minusculo. Quanto mais estado mais senadores, mais burocracia, mais deputados e ai vai... Tinha é que diminuir o Numero de estados no Nordeste e não fazer mais. Deixa o Cariri crescer pra ser referencia no estado. Em Minas Gerais a região do triangulo mineiro é super desenvolvida a cidade de Uberlândia tem um porte pra ser uma capital,ou seja os estados lá do Suedeste/Sul são desenvolvidos pelo fato de suas regiões do interior serem desenvolvidas também. Deixa o Ceará crescer. Deixa a nossa região crescer.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Veja aqui algum assunto de seu interesse

Se não encontrou seu assunto acima, digite abaixo e clique em pesquisar

Postagens mais acessadas do mês